sábado, 16 de julho de 2011

Ta punk!


Consigo contar nos dedos de uma só mão quantas vezes reclamei da Beatriz ou até mesmo sobre ser mãe aqui, simplesmente porque não tenho muito do que reclamar. Beatriz é uma criança saudável que raramente me da grandes sustos, eu adoro novas experiências e ser mãe para mim é um eterno aprendizado e a coisa mais louca que eu poderia fazer na vida.
Mas olha, ta complicado!
Beatriz ta em uma fase, difícil, e não eu não quero que passe porque já ta passando muito rápido, eu só quero paciência sabe? Porque no fim do dia, eu sento aqui e não consigo escrever, não tenho ânimo nem para ler, estou realmente esgotada.
Ela está muito ativa, e não reclamo disso não, mas é cansativo.
Ela voltou com aquela tara pelo banheiro e mais propriamente dito, pelo vaso sanitário. Não gostou do biscoito?Joga no vaso sanitário. Ta de saco cheio da fralda? Joga no vaso sanitário. Ta com sede?Agua fresquinha no vaso sanitário.
E meu dia se resume em " Beatriz, sai do banheiro" " Filha, já disse, sai do banheiro.... " " BEATRIZ CARALHO PORRA AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH NÃO AFOGA O CHARLES PELOAMORDEDEUS".

E ela fica nessa relação de amor e ódio com o pobre do gato, e eu, dividida! Não sei se ajudo o gato, ou se tiro ela do banheiro.


Hoje aconteceram dois fatos engraçados, o primeiro eu achei tão cute cute, ela comeu sozinha e levou o pratinho e o copo de suco vazio e colocou em cima da pia. ACHEI DIGNO.
O segundo, eu deveria sentar e chorar, mas como diz o ditado " o que é um peido para quem está cagado" eu só consegui rir.
Eu estava lavando louça, e vejo a Beatriz passando e pedindo suco, falei para ela pegar laranja, e enquanto ela pegava a tal da laranja, eu ouço: "COCÔ!" quando eu olho, Beatriz tinha tirado a fralda e feito cocô no chão da cozinha, e eu pronta para dar aloka e ela solta " TCHAU COCÔ!"  e da tchauzinho. Só consegui rir.



No mais, eu só peço dias calmos!




PS: sobre o erro da foto do post anterior: 1º a foto foi tirada na casa que fica nos fundos de casa, a casa que alugamos. O inquilino se foi e deixou todo aquele lixo que vocês viram na foto, mas não, esse não era o erro.
2º o erro é a meleca gigante saindo do nariz da Bia, que eu não vi e só reparei depois que tirei a foto. #maedemerda total!

5 comentários:

Karina disse...

Calma, é só o começo. Pq vc acha q parei meu blog? A minha ta com 4 anos, faz 5 em fevereiro.

Agora ta começando a acalmar, mas bate de frente q uma blz. A impressão q eu tenho é q ela é uma adolescente. Hj ela veio c papel e caneta:
mamãe, como escreve NÃO ENTRE AQUI?
Eu olhei e pensei alto:
Nossa, ta meio cedo pra pensar nisso, né não?

Tuka Siqueira disse...

kkkkkkk Tô rindo do post e do comentário da Karina! As minhas gêmeas, com 3 anos, mandam o papai sair do quarto delas "sai do meu quarto papai" tipo coisa de adolescente.

Mas a paciência é artigo que não se compra na farmácia e tem horas que ela acaba mesmo e a gente não sabe como repor o estoque. Crianças tem esse dom de acabar com nossa paciência, sempre testando os próprios limites. Aqui, minha pequena, de 1 ano e 9 meses, adora a cozinha, vive mexendo nos botões do fogão e na gaveta dos talheres, pega tudo e espalha no chão. Hj enquanto eu cozinhava ela simplesmente desligou o gás. Dá vontade de pendurar no teto ou amarrar no pé da mesa, mas tem que contar até dez (mil) e dar risada.

bjs

Alice disse...

Vibrações positivas para que você tenha um dia calmo! #cruzandoosdedos

Marcia Medeiros disse...

É complicado msm eu to com uma filha de sete e uma de nove meses,to quase indo a loucura pq a de 7 vive batendo de frente comigo por causa da BB que ela não tem mãe ontem soltou uma que eu sou mãe que daqui a pouco ja vou...ta dificil mas passa ....muitas paciência pra vc pq nossa profissão mãe esta apenas começando rsrsr....bjs...boa sorte!!!

Aprendendo com Davi disse...

Kira, querida, eu só consigo rir...rs...vai chegar a minha hora eu sei...rs..
Bjs e boa sorte!!!