sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Beatriz a televisão e a lavagem cerebral.

Dia desses tava pensando cá com meus botões: as vezes a gente tenta fazer a coisa errada por questão de hábito, e no fim da certo.
Quando a Beatriz era uma RN que só mamava e dormia mas exigia um tanto da minha atenção quando não estava fazendo nenhum desses dois, para eu conseguir fazer algumas coisas eu colocava ela no carrinho de frente para a tevê.
Na ocasião, achei bem interessante o fato da minha filha " me dar paz" por conta da televisão. Na verdade ela ficava fissurada nas cores que super estimulavam e fazia com que ela não dormisse a noite.

E eu tentei, tentei sim.
Nos momentos de desespero materno onde eu precisava dar uma cagada arrumar algo em casa, eu apelava para a tevê, sempre comprava um DVD aqui, outro ali, uma galinha pintadinha, um patati e patatá, mas nunca deu certo. Ela sempre ficava com os brinquedos, ou correndo atrás de mim.

Hoje agradeço muito a sorte que eu tive por ela não gostar de tevê. É, minha filha não assiste tevê.

E hoje vejo a importancia que isso tem, os benefícios. Vejo minha sobrinha, com 8 anos de idade, que passa o dia todo aqui em casa. Você pode estar ao lado dela, com um pacote de balas falando " Pega é todo seu" e ela simplesmente não te ouve porque está fissurada na tevê.
E ai, o buraco é mais embaixo. Meu irmão da " castigos " para ela por mal comportamento, cortando a tevê da rotina dela. Mas isso, dentro da casa dele funciona, aqui nem sempre.
Porque aqui ela faz cara de cachorro que caiu da mudança e muitas vezes quando eu não estou em casa, meu pai acaba cedendo.

E mesmo com minha sobrinha assistindo tevê em casa, a Beatriz não liga, chama ela para brincar com os brinquedos, pinta, rabisca todas as paredes, mas tevê é algo que realmente não atrai a minha filha.
Vez ou outra, eu mostro algunns videos da Galinha Pitadinha para ela, em partes porque acho super bobo e inocente, porque eu to junto com ela vendo o que ela ta vendo, eu tenho total controle.
Mas a tevê é sempre a ultima opção, aquela para os dias de chuva ou para os dias nos quais a Beatriz já brincou com tudo que tinha de brincar, não quer dormir e não tem como dar uma voltinha. Enfim.

Hoje levo isso com mais seriedade, não eu não quero que minha filha seja viciada em tevê. Não quero que para ela tevê seja sinonimo de diversão, de entretenimento, de horas vagas.
Isso influenciou até mesmo na escolha da escolinha para a Beatriz, das que eu vi particulares todas elas tinham tevê nas salas. Nas publicas não, ou não tem em nenhuma sala ou tem uma sala de tevê para todas as crianças.
E veja bem, se eu vou ficar em casa e vou mandar minha filha para uma escolinha apenas para interagir com outras crianças,  não quero que ela fique assistindo tevê porque se for para assistir tevê, na minha casa também tem várias. Quero que ela vá para a escolinha para aprender, para se socializar com pessoas, não com uma tela.

Quero dizer que, existem muitas outras coisas para se fazer, além de assistir Tevê.
Várias vezes recebi alfinetas por pessoas que escolheram trabalhar fora, criticando a minha opção de ficar em casa, e é sempre com o mesmo ataque: "Não adianta nada dizer que não trabalha fora, sendo que a criança passa o dia todo na frente da tevê".
E acredito que, não só eu como muitas pessoas que escolheram ficar em casa com os filhos já ouviram isso.
Acredite, existem muitas coisas para se fazer que não envolva uma tela e uma galinha pintadinha.






E vocês, gostam de brincar com seus filhos bem distante de uma tevê?

14 comentários:

Caio Melo disse...

Nossa, esse post foi um belo tapa na minha cara. Acho que me acostumei demais com ter a tv ligada. Hoje, mesmo brincando e fazendo outras coisas, acabo deixando a tv ligada fazendo um cômodo barulho.

Não deixo minha princesa esquecida em frente à telinha e tal, mas acho que o eletro virou colega... seu post foi um bom alerta pra eu não deixar a tv virar da família hehehe

Beijo do Caio!
@PaisModernos_

Amanda disse...

Até tres meses atras não tinhamos tv a cabo em casa...sim, nos não tinhamos discovery kids!! A gabi passou mais de dois anos e meio sem isso, e ta ai, viva, linda e inteligente! Ela ate assistia a tv cultura, mas como não é o dia inteiro de desenho, era pouco... Na creche da gabi, publica, eles tem 1 tv, só pra dvds e filmes,pra dias muita chuva que não dá pra ir ao patio....
Enfim, no ultimo mes, enquanto eu fazia a monografia dei uma relaxada e deixava a gabi assitindo um pouco mais, mas agora ja entreguei a mono e desliguei a tv! Beijos!

Evelyn_mãe_da Sofia disse...

Concordo com vc, mas minha filhota além de brincar ela tb assiste bastante tv e ama o Discovery Kids, mas ao contrario que muitos acham a minha filhota aprendeu muita coisa legal e é super inteligente!! A maioria das coisas bacanas que ela fala, aprendeu com a tv(canal para crianças).

Yumi disse...

O Fe adora comerciais. Gravei um cd com umas 2 horas de comerciais e passo qdo ele ja ta de saco cheio dos brinquedos dele. Ele gosta de Galinha Pintadinha tb, mas raramente assiste inteiro, ele acaba preferindo os carrinhos dele. Acho mto bom =)

Rafael Noris disse...

O Miguel também não curte, eu adoraria que ele ficasse assistindo comigo os filmes thrash que baixo ou série de zumbi, mas não rola. Se eu sento pra assistir já levanto em seguida pra correr atrás dele, mas faz parte, né? hahahahaha Quem manda em casa, nesse sentido, é ele.

Agora, sabe uma coisa que pensei, lendo os últimos parágrafos? Por que só as mães podem ficar em casa pra cuidar dos bebês? Eu quero meu direito de não trabalhar até ele completar dois anos, ficar lá junto. Mas a sociedade não iria aceitar... Nem minha mãe hahahahahhaa

Beijo!

Suellen disse...

oi kira, por aqui sempre tivemos o hábito de ter a tv ligada, isso não significa estar assistindo tv, mas as vezes, quando nos damos conta percebemos que ela esta ligada sozinha, não posso dizer que duda não gosta de assistir, estarei mentindo feio, mas eu, com o tempo, fui conhecendo os desenhos que são mais legais/educativos e ela assiste determinada hora, que não ultrapassa 1 hora do seu dia todo! passamos por uma fase muito chata de ela só comer em frente a tv e isso estava fazendo muito mal a ela, ela estava deixando de mastigar, deixando de reconhecer alimentos, mas isso foi um erro meu, admito, que fui pelo mais fácil, hoje ela senta com a gente na mesa na hora do almoço e a janta ela come no quarto dos brinquedos, pois é a hora que o pai chega e ela não perde um minuto por nada pra poder ficar perto dele!
acho que tv, assim como tudo na vida, deve ter seus limites, principalmente para as crianças, mas não há como negar que alguns programas ensinam sim coisas legais, duda sabe as formas (triangulo, quadrado, circulo e retangulo) assistindo Mister Maker (DK)entre outras coisas.
quando tentei colocá-la na creche, em junho, tbm não concordava com a tv que ficava na sala e a teoria de que aquilo acalmava as crianças, das poucas vezes que a duda aceitou ficar foi por estar assistindo algum dvd, mas assim que terminava ela abria o bocão me chamando!
bjo

Suellen disse...

ah sim, aproveitando a deixa, compramos um aparelho de som portátil, gravamos um monte de musicas (que não são infantis, são as que eu e o pai dela mais curtimos) e ensinamos ela que são as musicas mais legais (que vai de legião á gabriel pensador) agora, onde quer que ela vá e o que quer que ela esteja fazendo ela esta com as "mucas lecais" ligada e ela adora, é brincando, ou tamando banho, alguns dias ela pediu pra ligar na hora do almoço, ela pede e quando entregamos vai com o dedo direto do botão que liga, dá umas requebradas mas não deixa de fazer nada! muito melhor que a tv! ensinamos tarde...

Karina disse...

A minha fica hipnotizada. Tenho q desligar a tv pra ela ouvir q to falando. e engraçado q tbm sou contra tv e talz, mas por conta da tal paz, perdi o fio!

Cecília disse...

Essa é a primeira vez que visito o blog e já gostei. Tenho uma filha de dois anos que gosta de televisão, só que isso não é central na vida dela. Nós moramos em Londres e consigo achar programas de qualidade com uma certa facilidade, mas acho triste ver crianças sem nenhum outro tipo de estímulo.

Um abraço,
Cecília

Dany disse...

Caio também não costuma ver TV. Nem liga... Como ele nos vê pouco em frente a TV, acabou adquirindo o hábito. O mais engraçado é que, como ele não vê TV, ele é o último da escola a saber das últimas novidades de brinquedos e tal. Quando todo mundo já tem o tal brinquedo, é que ele começa a se ligar. Vida sem propagandas absurdas é o que há!

Tathy disse...

Eu assisto MUITA tv. Muita mesmo.
Ellis nem tanto. Ela adora o Mickey, assiste o desenho assiste mais uma coisa ou outra... O negócio dela é música.
Eu sou do meio termo. Acho que um pouco de tv não faz mal. Mas, como com qualquer outra coisa, o exagero não é bacana. Tudo tem que ter limites. Inclusive o tempo que se passa em frente à tv.
Mas, assistir um desenho ou outro faz sim parte da infância. Se não fizer quando criança vai fazer quando?
E com uma mãe viciada em seriados, filmes e etc, é muito provável que se puxar a mim ela vai sim gostar muito de tv. Honestamente? Não vejo nenhum mal nisso. Tv pra mim é sim sinônimo de diversão entretenimento, de goras vagas (ou não kkkk). Não vejo mal nisso. Eu vejo mal em achar ou mostrar que é a ÚNICA opção de diversão e todas essas coisas.

Beijo

Anônimo disse...

Nossa, visitei algumas escolinhas particulares no meu bairro aqui em SP e não encontrei nem uma única TV. Completamente absurdo tv na escola. Em dias de chuva, as crianças podem desenhar, pintar, ouvir historinhas, existem mil e uma alternativas!

Não sou das que acham que tv deve ser proibida, ate porque faz parte da realidade, do mundo. E eu gosto de tv, COM CRITÉRIO. Mas na escola, nem pensar.

@MHelenaQAP

Minha Maria disse...

Menina, a Giulia nunca foi de TV e faz muitas artes, o que é bom, ela é bastante muleca e a estimulo muito com outras brincadeiras. Já Maria adora uma TV, fica hipnotizada e confesso que ela, a tv, é minha aliada, as vezes, para as tarefas domésticas. Mãe de merda? rs
Beijos

Dnise disse...

oi Kira! a minha Sofia nao assistia muito qd era pequetita mas quando fez 1 aninho minha mãe deu o dvd da xuxa pra ela, menina pra que?!! aprendeu a falar várias coisas com o dvd! foi mto bom pq ela assistia inteiro e depois ia brincar com outras coisas cantarolando toda feliz kkkk...dpois veio o dvd do Barney e Patati Patatá ela adora mas nao é viciada em televisão....mas tem uma memória danada! esse dias ela viu o simbolo do teleton num e-mail e lembrou do nome "téieton téieton" kkkk isso pq passou ha um tempão na tv rs...eu gosto que ela assista mas ela quer que eu fique junto assistindo (socorro!) senao ela vem atras de mim ver oq estou fzendo e fica por lá mesmo kkkk! essas crianças são um barato né? a vezes da vontade de ter umas 5 xD
bjs